From the blog

A Rota Barroca na Alemanha

A Guerra dos 30 Anos deixou um tristre rastro de destruição e pobreza em grande parte da Alemanha, após seu fim, muitos imigrantes, em busca de reconstruir suas vida, seguiram para a região da Suábia, para habitar locais despovoados. Eles foram essenciais neste processo de recuperação econômica, o que proporcionou a reforma e construção de diversos edifícios locais, no estilo Barroco, que seria a tendência da época.

Existem 4 diferentes rotas que podem ser feitas dentro da Rota Barroca da Suábia, porém a mais famosa é a rota principal, em formato circular, começando e terminando em Ulm, abrangendo mais de 70 locais.

A região em que é localizada, já proporciona diversas paisagens estonteantes, e unir estes locais, às obras barrocas seculares, é um encontro perfeito. Para conhecer a rota, o viajante poderá passear entre os Alpes da Suábia e de Allgäu, ou entre o Rio Danúbio e o Lago Constança, fazendo paradas para apreciar as belas obras barrocas.

Dentre abadias, mosteiros, igrejas, palácios e castelos, estão estas joias do passado que encantam não somente os apreciadores de arquitetura e artes, impressinando os visitantes ao terem este contato com um passado onde o belo era exaltado e cultivado.

Identificar um edifício barroco pode nem sempre ser uma tarefa simples, pois cada região possui uma própria interpretação e vertente dentro do estilo, porém podemos listar algumas características gerais.

O Barroco aprecia o movimento, possui arquitetura dinâmica, e não renega as formas clássicas: colunas, arcos, frisos, curvaturas (especialmente nas fachadas). A luz também é um elemento fundamental, onde contrastes entre áreas muito iluminadas e escuras criavam uma atmofesra com drama.

Na Alemanha, o Barrroco agregou influência do estilo na França e Itália. Podemos citar como edifício com influência predominante do barroco francês, o Schloss Ludwigsburg, em Ludwigsburg, note que este edifício possui arquitetura mais comedida, próximo ao Clássico, sóbrio e imponente. Importante frisar que o Palácio Ludwigsburg não se encontra na Rota Barroca da Suábia, porém encontramos notáveis edifícios neste estilo por toda a Alemanha.

Palácio de Ludwigsburg, seu estilo Barroco com influência francesa, se estende aos seus jardins exuberantes.

No Barroco com influência italiana, local de onde ele surgiu, o vemos em uma forma mais popularmente conhecida, mais opulenta, com cúpulas externas, muitas curvas e movimento. Um grande exemplo é a basílica Theatinerkirche, em Munique, fruto do trabalhos dos arquitetos da corte italiana Agostino Barelli e Enrico Zuccalli, que durante décadas controlaram a arquietura de Munique. Este edifício não está na Rota Barroca, porém demonstra a entrada do barroco italiano na região, que se espalhou posteriormente para a região da Suábia.

 Theatinerkirche, em Munique.

Os fundadores do Viagem Alemanha, Rafael e Raphael, são especialmente interssados pelo tema castelos, palácios e História, e recentemente transferiram o escritório para um palácio construído neste período em Gutenzell-Hürbel, o Hürbel Schloss.

Sede do Viagem Alemanha, Hürbel Schloss.

São diversos edifícios e propriedades que merecem destaque na rota, e para visitá-los dependerá do seu roteiro. Selecionamos algumas especiais, em diferentes cidades.

Abadia Beneditina de Ottobeuren, perto de Memmingen. Fonte: Wikipédia: Autor: Janobi
Neues Schloss, Meersburg.
Basílica de St. Martin, Weingarten
Mosteiro Hofen, em Friedrichshafen. Fonte: Wikipédia. Autor: Clemens Pohl
As belas escadarias barrocas do Palácio Wurzach, Bad Wurzach. Fonte: Wikipédia. Autor: Andreas Praefcke

Estas e outras obras arquitetônicas você poderá visitar conosco em nossos passeios guiados privativos e em português durante nossas vaigens persoalizadas!

Entre em contato pelo [email protected]

Inspire-se com o nosso blog

Bolo Floresta Negra

A marca da Floresta Negra, o bolo em que a cada fatia surpreende o paladar, você não pode ir embora da Alemanha sem experimentar o Schwarzwälder Kirschtorte, nome original do bolo floresta negra.

B […]

Castelo de Heidelberg

No topo da cidade, o castelo de Heidelberg é um símbolo do Romantismo alemão com suas famosas ruínas, que contam a história de guerras e um casamento que marcou a História da Europa.

Para o viajant […]