From the blog

Castelo de Heidelberg

No topo da cidade, o castelo de Heidelberg é um símbolo do Romantismo alemão com suas famosas ruínas, que contam a história de guerras e um casamento que marcou a História da Europa.

Para o viajante que está hospedado em Frankfurt, fazer uma visita a esta bela cidade valerá a pena. A viagem dura cerca de 1 hora, podendo utilizar carro ou trem.

Castelo de Heidelberg

Castelo ou palácio? Os dois!

O castelo de Heidelberg é hoje chamado de palácio, porém, em sua origem, era de fato um castelo fortificado. Após o casamento de Frederico V, príncipe-eleitor do Palatinado, com Elizabeth Stuart da Inglaterra, em 1613, o castelo é então transformado em um palácio para receber sua amada e toda a comitiva vinda de Londres com todo o requinte ao qual ela estava habituada.

Como se tornou ruína

O castelo de Heidelberg passou por diversos abalos: foi destruído na Guerra dos Trinta Anos e posteriormente, os franceses invadiram a cidade, no final do século XVII,  destruindo-o novamente durante Guerra da Grande Aliança ou Guerra dos Nove Anos. Entretanto, não foi “apenas” isso que destruiu parcialmente a construção. Em 1537 e 1764, raios atingiram o castelo, causando um incêndio, que o levou às ruínas no segundo episódio.

Parte do castelo de Heidelberg.

O castelo

Suas primeiras construções datam por volta do ano de 1300 e o castelo era usado como residência da maioria dos príncipes eleitores. O castelo de Heidelberg é composto de vários edifícios, cada qual de um período, ao redor de um pátio interno. Do terraço é possível ter uma vista da cidade de Heidelberg até o horizonte, do rio Neckar e da ponte Karl-Theodor, um dos símbolos da cidade.

Com a visita guiada privativa no castelo de Heidelberg, você conhecerá a parte interna dos edifícios restaurados no século XIX e verá como era a vida e história de Heidelberg em outros tempos. Na parte externa do castelo, encontra-se o jardim do palácio, o “Hortus Palatinus”, o qual já foi considerado por alguns a oitava maravilha do mundo do passado antes de ser destruído pelos franceses.

 Maior barril de vinho do mundo

O grande barril do castelo de Heidelberg

O “Heidelberg Tun” possui  números impressionantes! 7 metros de altura, 8,5 metros de largura e capacidade de 220.000 litros de vinho. E ainda há uma grande curiosidade inusitada, a escada que dá acesso a parte de cima do barril tinha a finalidade de dar acesso a uma pista de dança que havia no topo deste gigante!

Muitos se perguntam do porquê de um barril tão grande, seriam os moradores do castelo tão vorazes consumidores do vinho desta região? Certamente o consumo de vinho era grande, mas não tanto que justificasse um barril tão grande, na realidade, eles eram utilizados para armazenar o dízimo de vinhos pagos pelos produtores da região do Palatinado.

Mas nem sempre o grande barril, que podemos visitar atualmente, esteve lá. Em 1591 foi construído o original, de menor dimensão, com capacidade de “apenas” 130.000 litros. Infelizmente, assim como grande parte do castelo, ele também foi destruído na Guerra dos 30 Anos. Em 1664 foi erguido outro grande barril, dessa vez com maior capacidade, podendo comportar até 200.000 litros.  Porém após cerca de 100 anos que finalmente foi construído o atual barril, pelo príncipe eleitor Carl Theodor, que está disponível para visitação durante o passeio guiado no castelo.

Museu Alemão de Farmácia ( Deutsche Apotheken-Museum)

Museu da Farmácia no palácio de Heidelberg. Fonte: Wikipedia. Autor: Ribax

Durante a visita a este museu, os viajantes encontrarão diversos tópicos exibidos e ambientes interessantes, como a farmácia barroca da antiga abadia beneditina logo no início do passeio e a Farmácia infantil”, que possui, dentre outras exposições, a “Estação da Fragrância”, uma área totalmente interativa para as crianças.

Com o nosso passeio guiado a Heidelberg, os viajantes conhecerão todos esses  lugares e vivenciarão todas as encantadoras experiências que os aguardam. Além de descobrir mais curiosidades e mistérios deste lugar fantástico. Com nossas visitas guiadas privativas, o viajante é levado aos bastidores do palácio, não abertos ao grande público.

Inspire-se com o nosso blog

Viajar com crianças para a Alemanha

  Quando se tem crianças as primeiras preocupações antes de viajar são: “Será que os nossos filhos vão gostar?”, “Encontraremos atividades legais para eles?”.  Por isso, selecionamos al […]

As maravilhas do Bodensee (lago de Constança)

Situado em um ponto muito incomum, a tríplice fronteira entre Alemanha, Áustria e Suíça, cortado pelo poderoso Rio Reno, o lago Bodensee, também conhecido como Lago de Constança, é uma das maravilhas […]